A mulher de câncer

A Lua é um "planeta" nitidamente feminino; portanto, é nesse sexo que as características do signo se encontram mais acentuadas. A sensibilidade da canceriana é realmente agradável: poética, romântica, imaginativa; são laços realmente fascinantes que a muitos homens enlaçam.

Embora sua imaginação a faça sair por vezes da realidade, ao ponto de torná-la errante e volúvel, requer uma grande dose de vontade e realismo para retornar novamente ao caminho reto.

Afora isso, a nativa de Câncer é uma boa espôsa, que pode suprir a seu marido: cuidados, afetos, romances, detalhes e comodidades que têm efeito ao bem-estar da vida conjugal.

Tende, também, a idealizar seu companheiro, que deve ser dotado de atributos e características invejáveis, etc., a tal ponto que se se decepciona, o golpe pode ser verdadeiramente forte; e aos cancerianos isso lhes afeta muito.

No entanto, conta com grande, firmeza interna, e saberá usá-la em si mesma, e também em seu companheiro, em casos extraordinários de necessidade. Como mãe, é muito dedicada, e por vezes exagerada. Viver com uma canceriana é viver com uma "Lua variável", no que se necessitará compreender consideravelmente.

Para mulher do signo de câncer, o mais importante é o ambiente doméstico, resultando demasiado carinhoso para com seus filhos; porém, pode haver casos em que um nativo de Câncer contraia matrimônio por pura 'conveniência', mas o que busca na realidade é a segurança, e nada mais que isso.

O capricho lunar lhe imprime maravilhosamente o aspecto maternal, o que se pode notar mesmo nos homens. Como é imaginativo, idealiza muito a seu companheiro, o que pode resultar em grande perigo, já que a única maneira de não desiludir-se é não se iludir.

A canceriana coloca a própria alma no ato de beijar. No momento em que seus lábios se unem à boca da pessoa amada, ele traduz o mais puro romantismo e faz dessa carícia uma verdadeira declaração de amor. 

Sincera e sensível, você é muito emotiva. Além de ser romântica, é também sonhadora. Está sempre rodeada de amigos e pronto a amparar qualquer um que precise de sua ajuda. Seus sonhos mais comuns são os que envolvem crianças e pessoas em dificuldades. Seus desejos amorosos e sexuais costumam ser liberados durante os sonhos. 

Em Câncer, é preciso digerir tudo o que foi feito anteriormente, assentar a criação em uma base firme, integrá-la no ambiente coletivo em que todos vivem para que ela possa ser incorporada, e também deixar suas sementes para um futuro que não se conhece ainda. E exatamente isso é que Câncer faz e assim irá agir na vida: interiorizando o que vive, assentando em sua vida o que aprendeu, criando um apoio para as pessoas que considera iguais – e daí criando o conceito de uma família, ou tribo – onde irá gestar e nutrir, acalentando sonhos, o futuro de toda a coletividade.

Instável como as marés, relacionada a este signo, que está sob a regência da Lua, o astro regente, Câncer se move de acordo com seu instinto de proteção, seu sentimento e suas emoções. Essa internalização é que corresponde ao tipo Câncer, que é sonhador, um pouco tímido, ligado no cuidado da prole, preocupado com o futuro, mas com um olho no passado, um signo de silêncio, de auto-proteção, pois a semente precisa estar cercada de cuidados para poder germinar na proteção do escuro, longe dos olhares e dos comentários.

Daí que dizemos que quando um projeto está sendo gestado, é melhor guardar segredo, não expor a notícia ao mundo, aguardando quando ela romper a terra e mostrar seus primeiros galhinhos verdes. Essa é a natureza Câncer. Para cumprir com essa função, de sentir o que é preciso para garantir a gestação, Câncer se torna ou um eterno sonhador, sedentário e apegado demais à pátria, à família ou às tradições, cheio de manias que considera fundamentais, ou se inibe, tornando-se resignado e melancólico.

Este signo inaugura o segundo processo trifásico dentro do ciclo maior de criação do universo, iniciado em Áries. (O primeiro processo trifásico compreende a ação e manifestação da idéia, que vai de Áries a Gêmeos).

O homem de câncer
O homem do Signo de Câncer é bom companheiro, muito simpático, o e logrará graças a seu temperamento agradável, conseguir tudo o que ele deseja obter, mas, sua volubilidade lunar o faz um companheiro difícil, porque no fundo é auto-indulgente, brando, passivo, e por isso resulta ser muito estranho à "vida comum". Apreciador de seu próprio ambiente, busca o melhor: a segurança, o conforto, a educação dos filhos, a fartura na mesa (não pelo prazer, mas pela sua necessidade). Para ser fiel, busca idealizar à sua companheira, coisa que não o logra sempre, pois suas concepções são muito particulares: fixa sua atenção nos mínimos detalhes, dos quais se queixa. A mulher de um canceriano necessita aguçar demasiadamente seu talento, flexibilidade e diplomacia, coisas que em verdade são difíceis de se achar. Ademais, a imaginação do nativo de Câncer é tão fértil, que chega a ser, não raro, hipocondríaco, a criar doenças que em verdade só existem em sua imaginação lunar, mas que o faz prostrar-se em convalescência. O canceriano nos seus romances é muito exigente, requer e pede muita atenção, o que pode incomodar seu companheiro. São apaixonados,de uma maneira lunar, fria, são esperançosos e temerosos. Sua imaginação lunar os faz muito teatrais e vivem verdadeiramente seus próprios dramas, com suas tristezas e alegrias. Requer muita ternura e a dá com grande cautela, para posteriormente não se sentir ferido. Pode se mostrar teimoso e obstinado como o caranguejo que se esconde em seu caracol, quando sua imaginação o faz ver coisas que não existem, ou o faz vê-las agigantadas, quando são na realidade passageiras. Enfim, tem caráter exigente para com os demais, de maneira que não pode ter o mesmo gênio que eles.. O canceriano coloca a própria alma no ato de beijar. No momento em que seus lábios se unem à boca da pessoa amada, ele traduz o mais puro romantismo e faz dessa carícia uma verdadeira declaração de amor. Sincero e sensível, você é muito emotivo. Além de ser romântico, é também sonhador. Está sempre rodeado de amigos e pronto a amparar qualquer um que precise de sua ajuda. Seus sonhos mais comuns são os que envolvem crianças e pessoas em dificuldades. Seus desejos amorosos e sexuais costumam ser liberados durante os sonhos. Em Câncer, é preciso digerir tudo o que foi feito anteriormente, assentar a criação em uma base firme, integrá-la no ambiente coletivo em que todos vivem para que ela possa ser incorporada, e também deixar suas sementes para um futuro que não se conhece ainda. E exatamente isso é que Câncer faz e assim irá agir na vida: interiorizando o que vive, assentando em sua vida o que aprendeu, criando um apoio para as pessoas que considera iguais – e daí criando o conceito de uma família, ou tribo – onde irá gestar e nutrir, acalentando sonhos, o futuro de toda a coletividade. Instável como as marés, relacionada a este signo, que está sob a regência da Lua, o astro regente, Câncer se move de acordo com seu instinto de proteção, seu sentimento e suas emoções. Essa internalização é que corresponde ao tipo Câncer, que é sonhador, um pouco tímido, ligado no cuidado da prole, preocupado com o futuro, mas com um olho no passado, um signo de silêncio, de auto-proteção, pois a semente precisa estar cercada de cuidados para poder germinar na proteção do escuro, longe dos olhares e dos comentários. Daí que dizemos que quando um projeto está sendo gestado, é melhor guardar segredo, não expor a notícia ao mundo, aguardando quando ela romper a terra e mostrar seus primeiros galhinhos verdes. Essa é a natureza Câncer. Para cumprir com essa função, de sentir o que é preciso para garantir a gestação, Câncer se torna ou um eterno sonhador, sedentário e apegado demais à pátria, à família ou às tradições, cheio de manias que considera fundamentais, ou se inibe, tornando-se resignado e melancólico. Este signo inaugura o segundo processo trifásico dentro do ciclo maior de criação do universo, iniciado em Áries. (O primeiro processo trifásico compreende a ação e manifestação da idéia, que vai de Áries a Gêmeos).
Fonte : esoterikha