Article

Bullying: Provocações sem limites
Apesar do nome sugestivo, "Bullying: Provocações sem limites" não é um documentário. O filme retrata o bullying nu e cru, narrando a vida do adolescente Jordi (Albert Carbó), que após a morte do pai, muda-se com a mãe para uma nova cidade e consequentemente de colégio. Por ser considerado diferente dos "colegas", ele é rejeitado pela maioria deles e começa a sofrer abuso dos mesmos. A principio as "brincadeiras" começam de uma forma mais leve, mas vão se intensificando ao longo da trama.
 O mais enlouquecedor é que a vítima se sente tão culpada, que não consegue pedir ajuda e os demais alunos do colégio, os que são contra essas "brincadeiras", não se manifestam para ajudar sequer um momento. É triste. É compreensível o medo dos outros alunos, mas e aquela história de - "juntos venceremos?" - A partir do momento em que alguém está ciente de tais atrocidades e se cala, essa pessoa está sendo cúmplice, conivente. 

A única pessoa que não fica calada diante das barbáries que Jordi sofre é seu vizinho (a principio rabugento), que logo cria amizade com o garoto e descobre que ele está passando por bullying.

Ao longo da trama, Jordi conhece pela internet uma jovem imigrante, que passa pelo mesmo problema que ele. Eles se encontram, viram amigos e a amizade vira amor.  

O final vocês já sabem, né? não vou poder contar, mas já adianto, não é dos melhores. Digo, o final é bom para um filme realista, como esse é, mas é tão chocante que nos deixa tristes, repensando nossas atitudes.  

PS: Outro filme com a mesma temática, é o filme Bullying virtual. Assistam! 


Facebook Twitter Pinterest Google+ Email Addthis